A Alta Costura e a Moda Atual – o que mudou?

A Alta costura, ou “haute couture” no francês, é definida por aquela criação em escala artesanal de alguns modelos exclusivos e feitos sob medida. Ela era marcada pelo uso de materiais de alta duração, com costuras que visavam um caimento perfeito e longevo, assim como uma obediência aos desejos dos consumidores.

Com o advento da globalização, a alta costura passou a criar protótipos que eram enviados a diversas salas de costura ao redor do mundo, garantindo maior lucratividade às marcas, mesmo que diante de uma criação pequena de peças. Esse foi o primeiro passo dado pela Alta Costura até a Fast Fashion que vemos hoje em dia. Confira mais detalhes sobre esse caminho logo abaixo.

O que houve com o mercado da moda e como chegamos aos dias atuais?

Um autor desconhecido de moda, um dia cunhou a frase: “marcas nascem na criatividade e morrem no mercado”, e talvez isso valha para quase todo o comércio da moda, mas não todo. Se não, vejamos: hoje, as marcas estão muito mais livres para criar estilos únicos, que apelam e agradam aos mais diversos públicos.

Com a maior demanda, maiores investimentos foram feitos no desenvolvimento de tecidos diferenciados, que podem unir em si tanto durabilidade quanto bom caimento. Na Moda Atual, ainda que diversas marcas tenham perdido o apelo da durabilidade e da qualidade, algumas mantiveram o acordo antigo de criar peças únicas e atemporais.

A Sixtini, como você pode ver em nosso blog e em nosso catálogo, é uma dessas, que procura dia após dia unir cortes clássicos à tecnologia atual, promovendo o encontro do que há de melhor nos dois mundos.

Da Fast Fashion à Slow Fashion

A Alta Costura ainda existe nos dias de hoje, mas certamente deixaram de ser o pilar central da moda para a população mediana. Hoje, ainda que muitas definições de corte, estilo e tecidos venham da Alta Costura, a máquina da moda é movida por peças vendidas pela Fast Fashion, em lojas de departamento e outros estabelecimentos semelhantes.

Ao contrário da antiga norma de produzir sob medida, a Fast Fashion produz em massa, “prêt à porter” como se chama. Nesse modelo de criação, muito lixo é produzido, muitas peças são descartadas e muita poluição é gerada. Daí vem o apelo de investir em marcas que, diferente das mais comuns dos dias atuais, produzem com respeito ao meio ambiente, que escolhem fornecedores responsáveis e que visam a durabilidade e não descartabilidade.

Por que investir nesse tipo de marca?

Muito distante de qualquer ideia conservadora, o resgate de princípios antigos da moda é em verdade uma necessidade para o futuro. Vivemos num planeta com recursos finitos e uma política de consumo infinito. Não se preza mais pela uma durabilidade, mas pelo descarte, pelo novo e momentâneo.

Marcas de roupa deixaram de vender produtos, mas sim conceitos abstratos, a ideia da felicidade de usar aquela roupa ou mesmo a unicidade dela. É importante ter um olho bem treinado para identificar essa manipulação de marketing, e se ater ao que realmente importa numa peça de roupa: a qualidade dela, o caimento em seu corpo, a durabilidade e a utilidade da mesma.

O que procurar numa roupa de qualidade?

Você deve buscar:

  • Um tecido de boa qualidade;
  • Costuras resistentes e que conversem com o corte desejado;
  • Cores que durem e não desbotem facilmente;
  • Um estilo que seja durável, e que não vai sair de moda em pouco tempo;
  • Uma peça que lhe agrade e que combine com você.

Esses são os 5 pontos essenciais para a sua escolha de roupas. Esperamos que você possa encontrar todos os 5 ao olhar nosso catálogo. Certamente encontrará um tecido de boa qualidade, boas costuras, cores que não desbotam e um estilo clássico e durável. Agora basta peneirar nosso leque de opções e encontrar uma peça que lhe agrade.

Esperamos seu contato desde já

Se você tem interesse de saber mais sobre o leque de opções oferecidas pela Sixtini Camisaria, dê uma olhada em nosso site, ou converse com um de nossos especialistas agora mesmo e conheça todos os detalhes que desejar. Chame-nos pelo WhatsApp (19) 3408-4830.

Um grandíssimo abraço e nos falamos brevemente. Até mais!

Você pode gostar de: